ARGENTINA - Grupo de Danças Nativas e Formação Artística Cultural “Huayra Muyoj”

ARGENTINA - Grupo de Danças Nativas e Formação Artística Cultural “Huayra Muyoj”O Grupo de Danças Nativas e Formação Artística Cultural “Huayra Muyoj” foi fundado a 19 de Abril de 1968 pelo Professor Superior de Danças Nativas Héctor Hugo Rebollo e a Sra. Camila Acela Soria de Rebollo. 

A partir de 1981, a direção artística encontra-se a cargo do Prof. Rodolfo Revollo.

Realizaram já onze tournées pela Europa, passando por países como: França, Espanha, Bélgica, Suíça, Portugal, Itália e Holanda, obtendo vários prémios e distinções.

Em 1993 festejaram as Bodas de Prata e contaram com a participação do Ballet Lubota da Rússia. 

Ao longo da sua existência, o Grupo de Danças Nativas e Formação Artística Cultural “HUAYRA MUYOJ” participou em importantes eventos, tendo as suas apresentações sido bastante apreciadas pelo público. Participou ainda em vários eventos organizados pela Secção Nacional do CIOFF Argentina.

CHIPRE - Akdogan Youth Center Folk Dance Group

CHIPRE - Akdogan Youth Center Folk Dance GroupAkdogan Youth Center Folk Dance Group é membro do Departamento da Juventude do Governo do Chipre. 

O grupo foi fundado em 2009 e tem como objetivo a educação da juventude Turca nas suas tradições, que é uma parte inseparável da sua cultura e intruduzir este aspeto na cultura de outras nações. 

O centro é composto por 5 grupos diferentes e conta atualmente com cerca de 85 elementos. Tem participado em diversos Festivais não só no seu país, como também na Turquia.

BÓSNIA E HERZEGOVINA - Folk Dance Ensemble “VESELIN MASLESA”

BÓSNIA E HERZEGOVINA - Folk Dance Ensemble “VESELIN MASLESA”Foi fundado em 1948 pela então organização de juventude da cidade, como uma organização de voluntários. O objetivo era envolver os jovens para cuidar da cultura e da arte popular tradicional (música, dança, canções, trajes e tradições antigas) depois desenvolver outras formas de atividades culturais e artísticas (teatro, pintura, literatura, etc.) para impedi-los de cair no esquecimento e apresentá-las ao publico. Desde então, o grupo vem realizando atividades sem quaisquer interrupções, nem mesmo durante a última guerra (1991-1995). 

Nos últimos 67 anos de existência, os seus grupos e conjuntos realizaram cerca 6 000 espetáculos, tanto a nível nacional como internacional (em quase todos os países europeus e alguns asiáticos), a mais de 6 000 000 espectadores, telespectadores não incluídos. 

Dentro do grupo, existem várias secções: folclore, música, solistas vocais e, mais recentemente, grupo vocal nativo. Este grupo tem sido nas duas últimas décadas um líder na República de Srpska e Bósnia e Herzegovina. Folk Dance Ensemble „Veselin Maslesa“ teve no seu repertório nas últimas três décadas entre 20 e 25 mostras (coreografias), apresentado-as constantemente, o que é extremamente difícil e é quase um exemplo único. De qualidade especial é parte do seu repertório (10 espetáculos) de danças sérvias da República da Sérvia e da Bósnia e Herzegovina. 

O grupo tem tido como objetivo a manutenção da tradição do folclore da sua região. Dos grupos e secções da Associação, desde a sua Fundação, já passaram pelo grupo cerca de 10 000 membros, e anualmente o número de membros tem variado de 100 nos primeiros anos, a 700 no período entre 1970-1990, que dependia da capacidade das suas instalações. Nos últimos 10 anos, a Associação tem tido cerca de 300 elementos ativos entre crianças , adolescentes e trabalhadores, que são divididos em quatro secções e 8 grupos de acordo com a sua idade. Todos eles colocam muito esforço para manter o alto nível de desempenho do programa, que faz com que a excelente reputação da Associação dure há já vários anos. Têm atividades de alta qualidade com os elementos mais jovens.  

FRANÇA - Lou Trelus - Danses et Musiques de Provence  

FRANÇA - Lou Trelus - Danses et Musiques de Provence Com base em Istres, a meio caminho entre Marselha e Arles (no sul da França), gostam de partilhar entusiasticamente as danças tradicionais e a música de Provença. 

O grupo, composto por 35 dançarinos e músicos, apresenta espetáculos variados e coloridos, usando trajes diferentes. As cenas retratam a vida no passado com danças figurativas em empregos, danças populares, entre outros e claro o "farandole". 

Os músicos tocam dois instrumentos ao mesmo tempo: o "galoubet", (pequena flauta) e o "tambourin" (tambor grande). Nos últimos anos, Lou TRELUS tem realizado espetáculos na Rússia, Bulgária, Itália, Alemanha, Bélgica, Polónia, Turquia, Brasil,... 

Em julho de 2010, Lou TRELUS obter o primeiro prémio de coreografia no “International Festival CIOFF de Buyukçekmece”, perto de Istambul (Turquia).

 É membro efetivo do "CIOFF França".  

ÍNDIA - UTKARSH Dance Academy

ÍNDIA - UTKARSH Dance AcademyUTKARSH Dance Academy foi fundada em 1994 na famosa cidade de Surat, situada na província de Gurajat – India. É uma companhia regista no Governo Indiano espacializada em dança clássica Indiana chamada “Bharatnatyam” – dança folclórico Indiana e as chamadas danças Bollywood. 

É sua fundadora e diretora a Sta. Behnaz S Todiwala que foi condecorada com a medalha de ouro em dança “Bharatnatyam”. Foi ainda condecorada em 2002 e 2005 pela sua extraordinária contribuição no campo da dança “Bharatnatyam”. 

Neste momento a Sra. Behnaz S Todiwala tem a seu cargo 500 estudantes que treinam sob a sua orientação profissional e da sua equipa nas quatro sucursais que existem na cidade de Surat. O seu objetivo para a Academia é, não só comunicar o conhecimento prático e teórico das danças aos estudantes, mas também ajudá-los a entender a cultura de outros países. 

UTKARSH Dance Academy participou em diversos Festivais no Canadá, USA, Itália e França. É membro efetivo da Secção Nacional Indiana do CIOFF.

POLÓNIA - The Students Folk Dance & Song Ensemble of Rzeszów University of Technology

POLÓNIA - The Students Folk Dance & Song Ensemble of Rzeszów University of TechnologyPOLONINY é um grupo artístico representativo da Universidade de Tecnologia da cidade de Rzeszów. Iniciou a sua atividade em 1969. Os membros do grupo são maioritariamente estudantes da Universidade. O grupo é composto por quatro grupos de dança e uma banda. 

O programa de POLONINY inclui danças da região de Rzeszów, danças nacionais Polacas e de outras regiões da Polónia. O grupo apresenta dezoito danças diferentes, cada uma delas com diferentes e coloridos trajes. 

Até ao momento, POLONINY deu mais de 2500 concertos na Polónia e no estrangeiro, onde foi sempre calorosamente recebido pelo público e pelos meios de comunicação social, facto que se deve ao elevado nível artístico das suas apresentações e ao dinamismo, impetuosidade e colorido das danças e canções polacas. 

POLONINY participou e ganhou prémios em muitos Festivais nacionais e internacionais. O seu sucesso colocou o grupo na linha da frente dos grupos folclóricos Polacos. 

POLONINY participou em muitos programas da TV e rádio na Polónia e no estrangeiro. O grupo atuou na maior parte dos países da Europa e ainda nos Estados Unidos da América e Porto Rico. 

A Universidade de Tecnologia é a mais antiga escola de Rzeszów. Esta cidade constitui o centro industrial e cultural da parte oriental da Polónia e é habitada por cerca de 200 000 habitantes.

PORTUGAL - Grupo Folclórico das Terras da Feira - Casa da Gaia

PORTUGAL - Grupo Folclórico das Terras da Feira - Casa da GaiaA CASA DA GAIA – Centro de Cultura, Desporto e Recreio de Argoncilhe – Santa Maria da Feira, foi fundada em 1971. Dos vários sectores existentes, destaca-se o Grupo Folclórico das Terras da Feira. 

Depois de um trabalho apurado no campo das recolhas, este grupo aparece com muita dignidade a interpretar e a divulgar o Folclore das Terras da Feira. É o responsável pela organização do DANÇAS DO MUNDO – FESTIVAL INTERNACIONAL DE FOLCLORE NAS TERRAS DA FEIRA E DO ENCONTRO DE JANEIRAS 

Este grupo tem participado em diversas manifestações culturais de Norte a Sul do País e regiões autónomas em: Festivais, Festas/Romarias, animações, Encontros de Janeiras etc.. 

No estrangeiro actuou várias vezes em França, Bélgica, Itália, Áustria, Espanha, Grécia, Hungria e Bulgária.

SÉRVIA - AKUD Spanac 

SÉRVIA - AKUD SpanacSPANAC é o conjunto artístico composto por estudantes da Universidade de Belgrado. Reúne cerca de 400 membros nos seguintes conjuntos artísticos: Coro Académico, Grupo de Dança e Música Folclórica, Grupo de Música Tradicional, Academia de Teatro – Teatro “DES”. 

Spanac é um grupo académico, com orientação humanística, moderna, aberta para todos os valores culturais e democráticos. 

Nas últimas seis décadas, mais de 12,000 jovens artistas passaram pela Associação e ainda hoje agem em todas as áreas de diversas atividades culturais. Muitos elementos que eram membros de Spanac trabalham agora num grande número de colégios, universidades e até mesmo na Academia de Ciências. 

O grupo de dança, em conjunto com a Orquestra de música popular, apresenta danças folclóricas e canções de uma forma muito atrativa, apresentadas sob a forma artística que retrata as características das pessoas que vivem nos Balcãs. Os elementos arcaicos da dança folclórica relacionam-se em harmoniosas unidades artísticas – coreografias. 

Durante as últimas seis décadas, o grupo tem sido reconhecido pela sua criatividade e expressão artística pelo que alcançou os maiores resultados nas secções culturais e artísticas. A confirmação mais forte deste argumento encontra-se na atribuição do prémio do Vuk, medalha do Presidente da República, a medalha de Irmandade e Unidade, carta da Universidade, estátua de ouro e medalhas de ouro da Associação de Amadores da Sérvia, primeiro lugares e prémios em inúmeros festivais no país, bem como em palcos de todo o mundo – em Moscovo, Madrid, Londres, Paris, Tel Aviv, Bangkok, Beijing, Cairo, Guadalajara, Porto Rico, Antalya, Bodrum, Izmir, Agrigento, Cagliari, Lefkas, Confolens, Sevilha, Alexandria, Salt Lake City, Barcelona, Roma... e em centenas de cidades, bem como numerosas placas, diplomas e cartas de agradecimento pelos concertos de caridade.