Bielorussia - KRYZHACHOK 

Eslováquia - Folklore Railmen Ensemble MarinaFundada em 1945, o grupo de Kryzhachok é composto por estudantes e graduados da Universidade de Estado bielorrusso, mas também de outros estabelecimentos de ensino bielorrussos. Em 1969 o grupo Kryzhachok foi premiado com o título nacional, em 2011 receberam um título de Grupo honorário para alto trabalho criativo e domínio distinto. O grupo participa de uma grande variedade de festivais e competições de arte popular na Bielorrússia, bem como no exterior, ganhando vários prémios e diplomas. É laureado da Associação Mundial de Universidades, do XII Festival Mundial da juventude e estudantes em Moscovo e participante do Festival Internacional Musical Europa-93, Plovdiv-95 etc.

Em Setembro de 1997 Kryzhachok participou no Festival Internacional na Turquia (Taşköprü); em Outubro de 1997 no Festival Internacional na República da África do Sul, onde ganhou 3 prémios de ouro e 1 de bronze. Em 1999 o grupo representou a República da Bielorrússia em França e participou no programa cultural na acção dedicada às crianças de Chernobyl. Em 2001 o grupo participou no Festival Internacional de dança em Carmieli, Israel; em 2002 para o Festival Internacional de Cultura da Juventude na Alemanha e participou nos dias da cultura bielorrussa em Israel. Em 2005, foi premiado com o certificado de participação do “International Folk Festival” na Inglaterra do C.I.O.F.F. UK e também representou a Bielorrússia no Fórum Internacional de dança folclórica na Grécia. Em 2006 o grupo tomou parte no “Internacional İskele Municipality Folk Dance Festival” (C.I.O.F.F.), 2007 – Inzadafest Beernem Folk Festival (Bélgica), 2008 – Festival Internacional de Istambul (Büyükçekmece) e cultura Park Festival nos quadros da feira mundial de Izmir. Em Istambul, o solista do grupo foi galardoada com o prémio "Best Dancer". 2009, 2010 – participou em vários festivais internacionais na Itália, onde ganhou um grande sucesso e uma grande popularidade. 2011 – “International Gallipoli Golden Sardine Culture and Art Festival” (Turquia).

Além disso, o grupo dançou no total 12 vezes nos palcos da Alemanha, 4 vezes na Polónia, 3 vezes na Bulgária, 2 vezes na Hungria. Teve sucesso durante os dias de cultura realizada na Áustria, Angola, Austrália, Nova Zelândia, Ilhas Fiji, Itália, Israel (2 vezes) e a França.

Pela sua contribuição valiosa para a popularização da arte popular bielorrussa no estrangeiro a União da Amizade e as Relações Culturais com Países Estrangeiros premiou o Grupo Kryzhachok com o Certificado de Honra.

Eslováquia - Folklore Railmen Ensemble Marina

Eslováquia - Folklore Railmen Ensemble MarinaO “Folklore Railmen Ensemble Marína” foi fundado há 45 anos e desde então realizou o seu programa em toda a Europa, mas também na Turquia, Brasil e no México.

É composto principalmente por estudantes universitários. Marina compreende três componentes: dançarinos, cantores e músicos, que tocam música folclórica tradicional. Marina apresenta um programa folclórico com músicas e danças tradicionais de várias regiões da Eslováquia – região "Podpolanie", situado na Eslováquia central, mas também Horehronie, Hont e Saris localizado na parte oriental do país. Usam trajes tradicionalmente fabricados com bordados e materiais originais, tecidos, couro etc.

Irlanda - Absolutely Legless

Irlanda - Absolutely Legless Absolutely Legless, é um grupo de dança irlandesa tradicional sedeado em Edimburgo. É um grupo vibrante de cerca de 25 bailarinos e músicos que desenvolveram uma reputação de actuações emocionantes e inovadoras em todo o mundo. Inspirado pelas tradições irlandesas, de sapatos suaves e duros, o grupo executa danças originais de uma forma descontraída e informal mantendo-se fiel às suas raízes.

Os bailarinos combinam a graça dos sapatos suaves com a força e precisão rítmica de sapatos duros para sortir uma experiência verdadeiramente emocionante. Esta abordagem é reflectida na música da banda, que produz perfeitamente as estimulantes melodias e ritmos da dança Irlandesa.

A formação original de violinos, flautas e guitarra lançam novos arranjos de artes tradicionais e originais. Esta combinação de ritmos celtas da banda e a energia dos bailarinos divertem cada vez as audiências e são bem recebidos onde quer que surjam.

Absolutely Legless orgulha-se de ter componentes de várias idades dentro do grupo. O mais jovem dançarino tem 16 anos de Dumfries & Galloway e o mais velho tem cinquenta anos. O grupo é composto por estudantes, médicos, enfermeiros e contabilistas – todos partilham um amor – música e dança irlandesa. Embora o grupo esteja sediado em Edimburgo, têm Membros que vêm de Fife, Dumfries e Galloway, West e East Lothian e até mesmo do nordeste da Inglaterra.

Absolutely Legless participou em 2010 num importante Festival Internacional nos EUA na Carolina do Norte, e em 2011 participou no Festival Internacional de Maribor, Eslovénia. O grupo participou ainda em diversos Festivais, nomeadamente em Montignac (França) e Jaca (Espanha), onde tocaram ao lado de bailarinos e músicos de Países tão distantes como a Colômbia e Costa Rica. Outras deslocações incluíram Hungria, Sicília, Turquia e Polónia, bem como muitas actuações em todo o Reino Unido.

México - México Folklórico

México - México FolklóricoO grupo “México Folklórico” é constituido por filhos de Maestros, estudantes da Preparatória, Secundária e Universidade, que no seu tempo livre cultivam a arte da dança Mexicana.

O seu repertório é composto de danças e bailes de diferentes regiões do País, tendo como preocupação a recolha das suas tradições, e conta com a colaboração de destacados investigadores de Folclore de diversas regiões da República Mexicana.

O grupo “México Folklórico” realizou já mais de 950 actuações, percorreu os 18 municipios de Querétaro, apresentou-se em 23 estados e na Capital do País. “México Folklórico” realizou Festivais Nacionais de Folclore (2003 e 2010) e 5 Festivais Internacionais de Folclore CIOFF® (2005, 2006, 2007, 2008 e 2010), trazendo a Querétaro Companhias Folclóricas de diferentes Países como: Argentina, Brasil, Polónia, Costa Rica, Croácia, Dinamarca, Colombia, Russia, Canadá, Sérvia, Venezuela e Panamá.

As suas actuações têm ido mais longe que as fronteiras nacionais como representante do folclore do seu País. “México Folklórico” tem sido convidado a participar em prestigiados Festivais Internacionais de Folclore CIOFF®, tendo realizado já 6 tournés por França, Itália, Bélgica, Holanda, Alemanha, Hungria, Eslováquia, Polónia, República Checa, Argentina e Canadá.

Portugal - Grupo Folclórico das Terras da Feira Casa da Gaia

Portugal - Grupo Folclórico das Terras da Feira Casa da Gaia A CASA DA GAIA - Centro de Cultura, Desporto e Recreio de Argoncilhe - Santa Maria da Feira, foi fundada em 1971.

Dos vários sectores existentes, destaca-se o Grupo Folclórico das Terras da Feira.

Depois de um trabalho apurado no campo das recolhas, este grupo aparece com muita dignidade a interpretar e a divulgar o Folclore das Terras da feira.

É o responsável pela organização do DANÇAS DO MUNDO - FESTIVAL INTERNACIONAL DE FOLCLORE NAS TERRAS DA FEIRA E DO ENCONTRO DE JANEIRAS.

Este Grupo tem participado em diversas manifestações culturais de Norte a Sul do País e regiões autónomas em: Festivais, Festas/Romarias, Animações, Encontros de Janeiras, etc.. - Conta ainda com uma actuação em directo na RTP no programa "Às Dez".

No estrangeiro actuou várias vezes em França, Bélgica, Itália, Áustria, Espanha, Grécia, Hungria e Bulgária.

Russia - Municipal Don Cossacks Song And Dance Ensemble

Russia - Municipal Don Cossacks Song And Dance Ensemble“Municipal Don Cossacks Song and Dance Ensemble” é uma parte essencial de Azov, beleza e orgulho dos Don Cossacks, estrela da cultura moderna dos Cossacks. O grupo foi fundado em 1954.

Por mais de metade do século, o grupo transmite os melhores exemplos de folclore de Don, não permitindo que as tradições de dança e música morram. O distinto Folclore Cossack apresentado pelo grupo de Azov não é apenas respeito pelas tradições do passado, mas um evento cultural, unindo diferentes gerações.

O grupo foi premiado três vezes em Festivais Nacionais de Folclore, participou no XII Festival Mundial da Juventude e dos Estudantes e no I Festival Internacional de folclore em Moscovo, onde foi atribuída a grande medalha de ouro; premiado ainda no II Festival International de Folclore "Union".

Sendo premiado em diversos Festivais Nacionais e Internacionais, participou em demonstrações em cinemas e programas especiais de TV.

Mestres da arte da dança, criaram números de dança para o grupo, como: M.Godenko, s. Knizhnikov, A.Hmelnickiy, A.Kondakov, I.Merkulov, G.Desatov, entre outros.

Cossacks de Azov foram recebidos com entusiasmo por plateias de muitos países europeus: Bulgária, Hungria, Alemanha, Checoslováquia, França, Polónia, Suíça, Letónia, Espanha, Portugal, Grécia, Chipre, Ilhas Canárias e Círculo Polar.

Inúmeros diplomas e cartas atestam o respeito e o alto nível profissional apresentado pelo grupo em que é fiel representante da cultura de Don, sendo atribuída a infinita beleza das canções de Don – “Cossacks River”.

Sérvia - Akud Sonja Marinkovic Novi Sad

Sérvia - Akud Sonja Marinkovic Novi SadA Associação Cultural, Académica e Artística “Sonja Marinkovic”, foi fundada pela Universidade de Novi Sad em 1962. A sua formação foi precedida de inúmeras actividades realizadas pelos alunos desde 1954. Segue-se um período de grande actividade e movimento cultural.

Desde a sua fundação, a Associação contratou sempre os melhores especialistas de dança de Novi Sad tendo, mais tarde, formado a sua própria equipa de peritos, a partir da qual se formam os directores artísticos de hoje.

Esta geração tem vindo a crescer consideravelmente e consegue, com grande facilidade, grupos de carácter profissional. Este trabalho tem contribuído para que “Sonja Marinkovic” seja considerado um dos melhores grupos amadores do seu País. São prova desta qualidade, os diversos prémios nacionais e mundiais atribuídos a este grupo, dos quais destacamos: a “Carta da Universidade de Novi Sad”, a “Ordem de Vuk Karadzia” e o prémio “Cultura – Comunidade Educativa da Sérvia”. Este reconhecimento de destaque social atribuído a “Sonja Marinkovic” marcou os 40 anos de trabalho e realizações no campo da cultura e arte do ano de 2002.